Dia de São Valentim

DIA dos NAMORADOS em PORTUGAL

14 de Fevereiro de 2012

(no Brasil este evento comemora-se a 12 de Junho)

Edição de Carlos Leite Ribeiro

 

Com os meus agradecimentos aos Autores, Colaboradores, Leitores e Amigos CEN

1º BLOCO

 


 

Candy Saad

 

Meu eterno namorado

Candy Saad


Quando senti teu coração pulsar
no mesmo ritmo que o meu,
dos teus olhos lágrimas de emoção brotarem
enquanto eu escondia as minhas,
pude entender que a sintonia que nos envolvia
alcançava esferas sublimes, emocionando até os anjos,
que  intercediam a nosso favor,
levando a Deus nosso querer no cálice do amor.
Fomos abençoados, sabemos bem.
Agradecemos a Deus por isso.
Nossa alegria simples e os pequenos gestos de carinho
movimentam turbilhões de sentimentos elevados.
Nossas almas se encontraram e se reconheceram,
transformando nossas vidas num paraíso de verdade.
Esse encanto será eterno!
Amo-te,
meu amor,
meu amigo,
meu amante,
meu cúmplice,
meu conselheiro,
meu eterno namorado!

imagem de :  ligia.tomarchio.nom.br 

 

 

Ariovaldo Cavarzan

 

 

Decreto do Dia dos Namorados

 

 Ariovaldo Cavarzan


 
Aos quatorze dias do mês de fevereiro, de todos os anos e de todo o sempre,
fica decretado que a frase "Felizes para Sempre...",
passa a ter a seguinte redação:
"Felizes, para sempre se amarão..." 
 
Justificativa: Relações a dois resultam de preciosos momentos de escolha,
constituindo raros instantes de convergência de vontades entre parceiros,
a compartilhar vibrações de empatia, afeição, amizade,
paixão e cumplicidade, ingredientes essenciais para que prospere
o acalentado e futuro Amor, verdadeiro e para sempre.
 
De considerar, também, que uniões entre pessoas, devem firmar-se
em raízes de espiritualidade, transcendentais ao plano das cogitações
meramente materiais, impondo-se como compromissos de eternidade.
 
O código secreto que se faz revelar nas entrelinhas,
tanto na frase ora modificada, como nas relações a dois,
pode ser decifrado numa só palavra: "Felicidade",
nomeadora da seara sobre a qual os que se escolherem deitarão
sementes de tolerância e bondade, respeito e perdão, humildade
e paciência, compreensão e companhia, cumplicidade 
e proteção, fraternidade e parceria, carinho e admiração,
fé, esperança e amizade.
 
Dessa semeadura, nascerão flores, que formarão canteiros,
ao longo da jornada, e que nunca deverão ser colhidas,
de forma a enfeitar de colorido e beleza o caminho já palmilhado,
e ensejar a que, quando um ou outro sentir vontade de dar-se
um tempo, a fim de respirar fundo e olhar à retaguarda,
possa contemplar o lindo jardim já plantado.
 
A ninguém será dado vivenciar e doar Amor verdadeiro,
se não vibrar em Felicidade, eis que relações a dois carecem de
ser compartilhadas, recicladas, findas e outra vez retomadas,
feito degraus de uma escada, a melhorar parceiros,
ao final de cada chegada.
 
Amor, maduro e real, é construção cotidiana,
enfeitada de desafios a serem vencidos, sem indecisões,
feito alavancas de vidas, a modificar pessoas
e moldar corações.
 
Quando Deus propõe desafios, ao longo de uma jornada,
às vezes em forma de angústia, outras em forma de dor,
atua como Cuidador a demonstrar o Seu infinito Amor,
eis que dificuldades são oportunidades
de abreviar a escalada.
 
"Sempre" é também palavra-código a ser decifrada,
se cotejada com a brevidade da vida, que a todos nos foi
outorgada, eis que, se à eternidade comparada, não passará de
um átimo, um relâmpago, uma faísca elétrica descarregada,
feito fatos de vida passada, que embora pareçam ontem,
ficaram bem longe, na estrada.
 
Importa não adiar expressões de afeto, como
"não tenha medo", "eu estou aqui, do seu lado",
"você pode contar comigo", "vai dar tudo certo",
"você vai conseguir", "eu lhe darei proteção",
"eu cuidarei de você...",
ou como a doce pergunta a ser sempre compartilhada:
"Eu estou fazendo você feliz?".
 
Porque, a fugacidade da vida está a indicar que,
daqui a pouco, poderá ser tarde demais.
 
Felizes, para sempre se amarão...
 
Revogam-se as disposições em contrário.
 
Campinas (SP) Brasil, 14 de fevereiro.

 

 

 

Efigênia Coutinho

RECADO PRO MEU NAMORADO

 

Efigênia Coutinho



Q
ue minha alma amante o encante
Nessa Saudade a multiplicar-se
em dez, em milhões.... Deixo meu
recado pro meu enamorado....

Entre mil momentos sumptuosos
O meu coração você sublimou.
E que ninguém me impeça de ir além
E ter este desejo sempre constante!

Nesta jornada de beleza infinita
com muita saudade vivo pensando
nos sonhos e poesias por nós vividos!
O tempo segue despido em paisagens.

Que meu recado venha suavizar
esta saudade tão abundante e real
que se eternize em seu coração...!
Escute este chamado vindo lá do céu!

Balneário Camboriú SC - Brasil

 

 

Heidy Keller

NAMORADOS

 

Heidy Keller


Já foram namorados,
Caminharam lado a lado,
Naquele beijo roubado,
Naquele abraço apertado.

Se encontravam as escondidas,
Mãos dadas pelas avenidas,
Nas caricias perdidas,
Compartilhando  suas vidas.

Os encontros tão esperados,
As vezes salteados,
Sentiam-se abobados,
Telefonemas inesperados.

Tomavam banhos de cheiro,
A dama e o cavalheiro,
Nada corriqueiro,
Nada era passageiro.

Adormeciam entrelaçados,
Assistindo filmes engraçados,
Dois românticos apaixonados,
Um pelo outro viciados.

O fim de semana que não chegava,
A saudade que apertava,
No desejo que ansiava,
No reencontro que saciava.

Namorando na ternura,
Em uma grande ventura,
momentos de loura,
Dois corpos na pura candura.

Nos seu beijos molhados,
Que ficaram no meu pensamento cravados,
Em meus sonhos perpetuados,
Corações agasalhados,
Caminhos desenganados.



*NAMORIDO*


Nesse tempo longo decorrido,
Em seu peito encontrei meu abrigo,
Pensando sempre em estar contigo,
Os anos os meses se passam,
As obrigações infelizmente nos abraçam,
E o toque das mãos fica perdido,
Durante o dia o amor é escondido,
Nem ao menos se encontram,
Nem mais os corpos se aventuram.
Mas o amor é assim bandido,
Na calada da noite é garantido,
Sentimento de ternura protegido,
Agasalhado recolhido.
Juntando toda a saudade do dia,
Na noite quente noite fria,
Quebrando assim a nostalgia,
Mais uma noite de euforia.
Traga a noite ventania,
Vem o dia fantasia.


HEIDY

 

 

Helena Armond

dia dos namorados

 

Helena Armond

 

pudesse modificar
o que por hábito  falta de idéia
ou mania 
é padronizado
num calendário de alegrias ...
daria ...  todos os dias
ao dia dos namorados  ...

 

 

Ana Maria Nascimento

Fascinação 

 

Ana Maria Nascimento

Aracoiaba-CE/Brasil



No mar encapelado dos teus sonhos,
ao bel-prazer, segui teu velejar
nas ondas dos momentos tão risonhos,
sentindo-me disposta a te alcançar.
Jamais assisti em dias tristonhos
à cena que fazia trovejar
no cerne dos instantes enfadonhos
tamanha volição no cativar.
A força do sublime sentimento
gerou naquele cômodo momento
olhar de contumaz satisfação.
O êxtase me fez notar, enfim,
o quanto ambiciono amor assim,
capaz de me trazer motivação.

 

Ivone Boechat

 

Apelo

 

Ivone Boechat


 
Diz ao mundo
que ainda existe amor,
acorde a esperança,
abrace a certeza,
tome muito cuidado
pra não despertar
a tristeza.
Avança,
grite,
não fique parado
que ainda há tempo
de começar.
Busca os aflitos,
dê seu alento,
afasta pecados,
fantasmas, mitos.
vem,
amar, amar, amar.



OPÇÃO


Quero ser amada
do meu jeito:
assim como se amam
as flores!
Amor contemplativo,
pensado,
refletido,
terrivelmente evoluído.
Quero ser amada
do meu jeito:
sem pretensões
de posse,
possuidor,
possuído.
 
Ivone Boechat

 

 

 

para índice geral

 

para  pág 2

 

Livro de visitas