André Anlub

 

 

- Nome:  André Luiz Barbosa da Silva (André Anlub)
 

- Profissão: Protético Dentário
 

- Quer falar um pouco da terra onde mora? Nasci em Belém e fui para o Rio de Janeiro com menos de 1 ano de idade. Criei-me em Copacabana onde fiquei até os 32 anos. Morava no que chamam de "Oasis de Copacabana", uma praça chamada Edmundo Bittencourt ou Bairro Peixoto. Tive uma infância muito feliz, fui e sou amante do mar e dos esportes aquáticos, além de alpinismo e futebol na areia.
Aos 32 anos mudei-me para Itaipava, distrito de Petrópolis, cidade Imperial.
Lá conheci melhor a poesia e tornei-me um pintor mais assíduo.
Agora moro no Nordeste há três anos, e estou sendo muito feliz pelas bandas de cá.
 

- Quando começou a escrever (ou iniciou sua arte)? 
Meu interesse pela pintura se iniciou através do contato com as tintas quando trabalhou durante muitos anos com silk-screen, a partir da adolescência, e cresceu exponencialmente quando fui morar em Itaipava, após 32 anos no Rio de Janeiro.Foi nesse distrito de Petrópolis, cercado de verde, que aflorou com mais força a vontade de se expressar por meio da pintura, assim como da escrita. Neste período produzi boa parte de minhas obras, inclusive “A Indígena Gestante”, obra que faz parte do Acervo Permanente do MAC – Bahia (Museu de Arte Contemporânea da Bahia)

- Teve a influência de alguém para começar ? 

Gosto muito dos pintores NAIFs em geral, de Van Gogh e Di Cavalcanti

- Lembra-se do seu 1º trabalho literário (ou artístico)? 

Lembro que eu pintava em tudo... Restos de madeira, encosto de cadeira quebrada, superfícies planas, ou não.

- Projectos Literários (ou artísticos) para 2012 / 2013? 

Estarei na Antologia “TOMO IV” do Bar do Escritor, previsto para final d e novembro (2012). Também na Antologia “Amor, Sexo e Sedução” da editora Delicatta, para dezembro de 2012. Em 2013 começarei a preparar meu segundo livro solo (papel).

- Tem livro(s) impressos, editados ou por editar, e que não estão em e.book?

Como disse anteriormente, tenho um projeto de livro solo para 2014, começarei a mexer nele em 2013, pois material já tenho.
Tenho o e-book solo “Imaginação Poética” da editora Beco dos Poetas
e outros trabalhos impressos em antologias e e-books.

- Tem obras de arte que gostaria de ver expostas?

Sempre tive o sonho de colocar algumas pinturas minhas à mostra, tenho diversas telas e nos mais variados tamanhos. Tenho também um tronco de cajazeira com 1.10 m de comprimento e 1.14 m de circunferência que estou esculpindo.

- Conhece o novo projeto do Portal CEN, "SEBO LITERÁRIO" 
http://www.caestamosnos.org/sebo/sebo_autores.htm
com divulgação direta Internacional, sem paralelo na Língua Portuguesa? E totalmente gratuito?
-  Para os artistas Plásticos, entenda-se o SEBO como um "PORTFOLIO" 

- Sim, acho de suma importância para as artes.

Se está interessado (a) neste projeto contate: FLOR DE ESPERANCA (MARIA BEATRIZ SILVA)
 intercambioculturalcen@hotmail.com

- Fale-nos um pouco de si, como pessoa humana?

- Tomarei a liberdade de deixar que alguns estimados amigos o façam por mim.
“O nosso entrevistado do mês de Setembro/2011 é o PoetArtista André Anlub, um dos mais queridos poetas do nosso cenário nacional. André, além de grande talento na poesia, música e artes plásticas, é portador de um caráter irrepreensível e de opinião contundente, jamais se esquivando de se colocar; de se posicionar, nas grandes e mais polêmicas temáticas, que surgem por aí, no nosso dia-a-dia na Web.”
Antonio José – Poeta
*
“Poeta e artista André Anlub, um dos mais queridos amigos do mundo virtual. 
Notavelmente é um grande talento na poesia, música e artes plásticas. Uma pessoa especial, super do bem, inteligente, admirável e de caráter. 
É um imenso prazer ter o seu carisma e a sua arte na Expressão da Alma.”
Marcia Brum – Professora e Poetisa
*
“André Anlub … Amizade e Admiração … letrinhas e linhas nossa
18 de abril de 2012 por Bia Cunha
Não sei das coisas. Afirmo meus credos e este é tão meu, tão fixo do meu olhar, do mundo que me rodeia… Mas atrevo dizer que se vidas existiram e eu as vivi, em algumas delas fomos irmãos. Contudo se não, hoje o somos. Carregamos numa virtualidade contemporânea uma cumplicidade fraterna. Em meus olhos impregnam admiração por sua Poesia, Arte e Inteligência. No mundo que faço parte e que observo tanta futilidade. Eu vejo nele integridade, olhar atento pra realidade, sentimento e musicalidade. 
Como viram… sou fã. E não de agora, no qual vou postar uma poesia que é fruto de uma parceria momentânea, mas de um tempinho no qual fico a ler, curtir, conversar, perguntar, responder e brincar de viver. 
Enfim…
Boa leitura!
P.S. André, obrigada por vir e emocionar nesta viagem de sonhos e boas recordações particulares. Forte abraço, virtual sim, mas bem fraterno. E como sempre digo   -gosto de te ler!”
Bia Cunha – Professora e Poetisa


- Como Escritor (a) (ou como Artista)? -

As Pinturas:

Minhas primeiras pinturas foram bem jovem, quando trabalhei como impressor de silk screen. Pintava em qualquer superfície. Praticamente levava tintas e pincéis para todos os lugares que ia. Se viajava eu esquecia as cuecas, mas levava as tintas.
Nas bandas de rock de amigos eu praticamente fazia tudo que era visual. Desenvolvia os cartazes dos shows, fazia com lençóis os fundos de palco e cheguei a pintar algumas calças e tênis.

A Escrita

Comecei realmente a escrever em 2002. Mas eram pequenas músicas e melodias revoltadas, quase sempre para a banda do meu irmão ou para cantarmos em rodas de botecos.
Frequentava as rodas dos bares com minha gaita, acompanhado dos meus amigos que tocavam violão e bongô.
Levava algumas músicas anotadas em bloquinhos, meu irmão muitas vezes cantava.
Em 2006 fiz um pequeno quarto isolado no terreno, que coloquei o nome de “Taba”. Comprei uma bateria e começaram aí os primeiros escritos com mais atenção e trabalhados.

 

-Tem prémios literários, ou outros?
Obra (tela) no Acervo Permanente do Museu de Arte Contemporânea (MAC) da Bahia.
Menção Honrosa no I Prêmio Literário Mar de Letras, que teve poetas de Moçambique, Portugal e Brasil e, ficando entre os oitenta (80) primeiros, participa do livro “Controversos”.
Menção Honrosa do 2° Concurso Literário Pague Menos, a nível nacional e, ficando entre os cem (100) primeiros, participa do livro “Brava Gente Brasileira”.

- Tem Home Page própria (não são consideradas outras que simplesmente tenham trabalhos seus)?

poeteideser.blogspot.com

- Conhece bem o conteúdo (enorme) do Portal CEN - "Cá Estamos Nós"?

Sim, e pretendo sempre me inteirar ainda mais! Sou um eterno aprendiz.

- Que conselho daria a uma pessoa que começasse agora a escrever (ou inicie a sua arte)?

Sem querer ser recorrente: “Nunca desista de seus sonhos”
Tenho uma frase para essa situação:
Todos têm no corpo, mente e espírito um pouco de Anne Frank, basta colocá-la para fora... Arrisque, escreva!


(
As obras expostas foram autorizadas e são de inteira responsabilidade dos seus autores)

2012

 Índice de autores                     Biografia            Anexo        Artes Plásticas