LUIZ POETA

 

Biografia

 

Luiz Gilberto de Barros, registrado na Sociedade Brasileira de autores, compositores e escritores de música - SBACEM - como  Luiz Poeta, é Professor de Língua Portuguesa, Literatura Brasileira e Produção de Textos,  lecionando atualmente no Município do Rio de Janeiro.
Paralelamente às atividades profissionais, destaca-se também no meio artístico como  produtor fonográfico, violonista, guitarrista, compositor, poeta e artista plástico. É membro atuante do Portal CEN, Acadêmico da AVLBL e um dos mais novos filiados da União Brasileira de Trovadores , mantendo contatos ou estando vinculado a diversos sites importantes (Melzinhas, Locura Poética, Escritores e Poetas,  Alma de Poeta, Sala de Poetas, Távola Literária, Cirandas e Cirandeiros, Lunas & Amigos, PortikoLiterário, Fórum dos Mestres Aprendizes, Clube de Letras, Festa Baile, Por Siempre Românticos, Jardim Esperanza, Pluma y Palabra, Paralelo 30, Gr_NG, Flori Jane,Textos e Pretextos, Skorpiona, Ecos da Poesia, escola Tropo, Drica del Nero, SONZ  etc.).
Luiz Poeta costuma usar a expressão " irmão " no lugar da palavra amigo. Para ele todos nós somos uma família que, como tal, não pode permitir que uma amizade termine por um e-mail não enviado (ou não recebido) ou por uma eventual ausência de contato visual, digital ou telefônico...  
Segundo Luiz Poeta, a internet possibilitou-lhe um dos tempos mais felizes da sua vida, onde pode conviver livremente  com as pessoas que fazem do ato de compor, a maneira mais sublime de celebrar a vida.
No fundo, Luiz Poeta gostaria que todos fossem verdadeiramente uma só família e que cada gesto, por mais simples, significasse o quanto todos nós precisamos de compreensão, amor, admiração, respeito, reciprocidade.
O cd musical Bossa Light, de Luiz Poeta, possui uma trova de sua autoria que diz assim:

 

Quem quiser cantar meu canto,
Vai chegando de mansinho,
Tenho voz de acalanto
E canto de passarinho.

Luiz Poeta (SBACEN - RJ)

POETA LUIZ POETA

O nome  Luiz Poeta não é aleatório, é a marca registrada de um artista que entende a poesia como " a  melhor maneira de celebrar o amor pela vida, pela arte e pelas pessoas " , como ele mesmo faz questão afirmar... e completa:
"Muitas vezes me pego agradecendo e glorificando a  Deus por esse dom que me deu de fazer da poesia a minha melhor relação com o meu tempo no planeta... "
É assim o " poeta " Luiz Poeta: uma pessoa extremamente sensível, que consegue soltar-se pelos caminhos da Literatura de maneira simples e ao mesmo tempo elegante... Luiz Poeta não põe sua melhor roupa para caminhar pelos jardins da poesia, entretanto procura esprimir-se naturalmente, sem rebuscamentos intelectualóides ou  mesmices filosóficas, criando um texto de leitura fácil e cativante que consegue captar as angústias, alegrias e tristezas do seu semelhante, tornando-as poesia.
Confessa-se um poeta compulsivo e é capaz de parar uma conversa para rabiscar um pensamento e tranformá-lo em verso ou mesmo em uma estrofe completa.
Seus poemas são extremamente musicais: " Às vezes escrevo na batida do meu próprio passo; quando ando rapidamente, vou cantando minhas redondilhas, paro e escrevo-as em qualquer papel que tenha no bolso ou que encontre pela rua. Sou um poeta compulsivo. "
É fácil conhecer a alma de Luiz Poeta, basta lê-lo e compreender, nele, um pedacinho da sua própria alma.

Vera Lúcia Flores - Mestra em Literaturas Brasileira e Portuguesa

 

  Índice de autores -       Coleções         Condecoração de Melhor Poeta 2008     

 Quadros do Pintor            Prémio  Bailarina    Emocion... Ânsia    

Ternura Silenciosa     Entrevista de Carlos Leite Ribeiro        APALA

Parabens- 2009     Premio 2012      Posse APALA