POETA LUIZ POETA

O nome  Luiz Poeta não é aleatório, é a marca registrada de um artista que entende a poesia como " a  melhor maneira de celebrar o amor pela vida, pela arte e pelas pessoas " , como ele mesmo faz questão afirmar... e completa:
"Muitas vezes me pego agradecendo e glorificando a  Deus por esse dom que me deu de fazer da poesia a minha melhor relação com o meu tempo no planeta... "
É assim o " poeta " Luiz Poeta: uma pessoa extremamente sensível, que consegue soltar-se pelos caminhos da Literatura de maneira simples e ao mesmo tempo elegante... Luiz Poeta não põe sua melhor roupa para caminhar pelos jardins da poesia, entretanto procura esprimir-se naturalmente, sem rebuscamentos intelectualóides ou  mesmices filosóficas, criando um texto de leitura fácil e cativante que consegue captar as angústias, alegrias e tristezas do seu semelhante, tornando-as poesia.
Confessa-se um poeta compulsivo e é capaz de parar uma conversa para rabiscar um pensamento e tranformá-lo em verso ou mesmo em uma estrofe completa.
Seus poemas são extremamente musicais: " Às vezes escrevo na batida do meu próprio passo; quando ando rapidamente, vou cantando minhas redondilhas, paro e escrevo-as em qualquer papel que tenha no bolso ou que encontre pela rua. Sou um poeta compulsivo. "
É fácil conhecer a alma de Luiz Poeta, basta lê-lo e compreender, nele, um pedacinho da sua própria alma.

Vera Lúcia Flores - Mestra em Literaturas Brasileira e Portuguesa

 

 

    Biblioteca Virtual
    Condecoração (Melhor Poeta 2008)
    Entrevista a Carlos Leite  Ribeiro
    Página Pessoal
    Quadros do Pintor Luiz Poeta

   Participação na III Antologia do Portal CEN:

Programa gratuito necessário para a leitura de um livro virtual,
faça já o download através do link:

 

 

 

Registre sua opinião no

Livro de Visitas:

 

 

 

 

Clique e...

 

                              

 

 

 

 

Fundo Musical: Ser Poeta * Florbela Espanca

Resolução do Ecrã: 1024 / 768

Site criado por Iara Melo